hello world!

Gala de premiação "Ler nas Férias"

A cerimónia foi marcada por diversos momentos, a começar pela intervenção do director do Centro Cultural que enalteceu a iniciativa da Ethale, “ler é a porta de entrada para todo o conhecimento, é com a leitura que se planta todas outras sementes que nos permitem o desenvolvimento como seres pensantes, disse Por seu turno, Jesemusse Cancida, Director da Ethale referiu que nos últimos tempos os índices de leitura têm sido bastante baixos, sobretudo na camada jovem o que afecta o desenvolvimento intelectual das pessoas, impossibilitando uma boa inserção na esfera social. O concurso foi lançado para impulsionar o hábito de ler. “A maioria dos prémios literários são dirigidos a escritores, daí que a Ethale decidiu lançar este concurso, dirigindo os prémios aos leitores como forma de motivar estudantes do Ensino Secundário, Técnico Profissional e Superior a lerem. “No lugar de premiar os que falam, decidimos premiar os que escutam; no lugar de premiar os que escrevem, premiar os que lêem, colocando, deste modo, o leitor em destaque, tendo em vista trazer o hábito de ler de volta à moda,” declarou Jessemusse Cacinda.

O académico Óscar Fumo, professor universitário, partilhoucom os presentes as suas experiencias de leitura, destacando que a leitura possui diversas potencialidades formativas como é o caso do desenvolvimento da linguagem que só lhe foi possível com a leitura, uma vez que, o português não foi a sua língua materna. Além disso, “na leitura sobre o outro encontramos algo que nos identifica, que diz algo sobre nos mesmos; quando lemos sobre o outro, lemos sobre nós mesmos,” disse Óscar Fumo. Ainda sobre a importância da leitura, Soniza Bavo, representante do júri, referiu que 80 porcento do conhecimento que possui não advém da formação profissional, mas sim da leitura, sobretudo de romances.

O momento mais alto da cerimónia foi a premiação dos 10 finalistas do concurso, os quais foram brindados com livros, camisetas e diplomas de participação e honra ao mérito. Os três vencedores ganharam ainda prémios monetários. Alberto Tembe ocupou o terceiro lugar, tendo ficado com o prémio de 2.000,00 Mts; O segundo lugar do pódio foi conquistado pela Semy Ivânia Albino Mavique, ficando com o prémio de 3.000,00 Mts; Tomé Carlos Soares foi o grande vencedor do concurso, ficou com o prémio de 5.000,00 Mts.

Os vencedores manifestaram a sua satisfação por terem conquistado os lugares de pódio: “Sinto-me lisonjeada. A princípio nem quis concorrer, mas percebi que o importante não é ganhar, mas sim participar. Ter ganho é deveras gratificante para mim. Gostaria que a Ethale replicasse este tipo de iniciativas, porque isto vai inculcar o gosto pela leitura e pela escrita, sobretudo nos jovens. Declarou Semy Mavique, uma das vencedoras do concurso. Os pássaros têm asas para voar, e quanto a nós humanos, os livros é que nos dão a liberdade de voar, vivenciarmos e nos revermos nas histórias dos outros. 

Subscribe
Notify of
guest
1 Comentário
Oldest
Newest Most Voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jorge
Jorge
1 year ago

Parabéns pela inciativa. Sigam em frente!

Outras notícias

crossmenu
1
0
Would love your thoughts, please comment.x
()
x